Reunião com a Fenaban termina com cobranças da CEBNN/CONTEC

12/08/2022
/
216 Visualizações

A Comissão Executiva Bancária Nacional de Negociação – CEBNN/CONTEC, composta por representantes das federações filiadas, esteve reunida pela nona vez com representantes da FENABAN, nesta quinta-feira (11).

Nesta campanha salarial, os representantes patronais têm se mostrado irredutíveis e pouco abertos para o diálogo durante os debates das cláusulas importantes da pauta dos bancários.

A CEBNN/CONTEC cobrou que os negociadores considerassem os imensos lucros dos bancos e que as condições de trabalho, saúde e segurança de seus funcionários fossem melhoradas, porque isso afeta diretamente seu desempenho nas agências bancárias.

Nesta semana, os principais bancos privados do Brasil, divulgaram os lucros líquidos do segundo trimestre deste ano. Juntos, os bancos tiveram crescimento superior a 20%, em relação ao mesmo período do ano passado.

Segundo levantamento feito pelo DIEESE, a inflação está corroendo o salário dos brasileiros. No ano, o IPCA – Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, acumula alta de 5,49% e nos últimos 12 meses, chega a 11,89%.

Estes são fatores que comprovam a necessidade de diálogo com as categorias trabalhadoras brasileiras, em particular, com os empregados do sistema financeiro, que contribuem, diretamente, com os resultados positivos dos bancos.

Na reunião de negociação desta quinta-feira, foram debatidas as seguintes cláusulas:

19-Acidentes de trabalho;
20-Afastamento por doenças superiores a 15 dias
21-Períodos transitórios especiais de afastamento por doença.
34-Estabilidade de dirigente sindical;
35-Liberação de dirigente sindical;
36-Eleições complementares;


Todas as cláusulas foram profunda e fortemente debatidas. A CEBNN/CONTEC alertou que a saúde dos trabalhadores e a estabilidade dos dirigentes liberados são fundamentais para a categoria e sua representação.

Para o presidente da CONTEC, Lourenço Prado, é importante que negociadores e todos os integrantes da categoria profissional estejam empenhados nos debates desta Campanha Salarial. “Nós assumimos um compromisso permanente com todos os bancários. Estamos empenhados em estabelecer as conquistas justas, necessárias e a valorização dos trabalhadores.”

A FENABAN demonstrou interesse em manter as cláusulas da maneira que estão na Convenção Coletiva de Trabalho vigente, mas se comprometeu em levar as demandas solicitadas aos empregadores.

Pedimos que os Sindicatos informem aos bancários a marcha das negociações e que se mantenham atentos, porque esta Campanha Salarial está muito difícil, especialmente, pela insensibilidade dos banqueiros para com as nossas reivindicações. (Fonte: Contec - escrito por Assessoria Igor)

Comissão Executiva Bancária Nacional de Negociação – CEBNN/Contec



COMPARTILHE

NOTÍCIAS RELACIONADAS